Atendimento Nutricional Personalizado - Palestra - Educação Nutricional - Consultoria para escola - Oficina culinária - Treinamento

Sopa de carne com legumes

Tem feito um frio danado esses  dias né? E essas noites frias merecem uma sopa bem quente, o que acha? Mas hoje vou ensinar a fazer uma sopa completa, nutritiva e muito, muito saborosa. Algumas pessoas comentam que não comem sopa porque não tem gosto de nada...oi? tem gosto de água suja... como assim? Hoje vamos desmistificar tudo isso e vou ensinar alguns segredinhos para a sopa ficar beeeeem gostosa.


Gosto muito de sopa porque nela conseguimos colocar todos os grupos alimentares, ou seja, é nutricionalmente completa, e melhor, é rápidinho pra fazer e nem precisa ter prática na cozinha, é só descascar, picar e cozinhar, mas o processo deve ser feito aos poucos, não devemos colocar tudo de uma vez na panela e esperar que saia uma sopa delícia, não é assim... cozinhar é mais que isso, deve ser feito com carinho e algumas vezes paciência de esperar o tempo de cozimento certo de cada alimento, então, bora aprender, de uma vez por todas a fazer uma sopa decente?


O primeiro passo é picar a carne (usei 500g de músculo, mas pode ser acém) em cubos pequenos (quanto menor o pedaço, mais rápido o tempo de cozimento) e refogar em pouquíssimo óleo até formar o "fundo" da panela, esse é um dos segredos da sopa ficar saborosa, senão corremos o risco de ficar sonsa, e como explicar isso para você? A imagem abaixo explica por si só: 

É só refogar em fogo alto e ir mexendo até ficar tudo dourado, inclusive a panela, isso é o "fundo".

Após a carne estar bem douradinha, adicionar 2 dentes grandes de alho ralado (esse é outro segredo que aprendi há pouco tempo... parece que é tudo a mesma coisa mas não é, dá uma baita diferença em passar o alho no miniprocessador ou amassar com o amassador de alho, ou picar na faca ou amassar no pilão ou ralar, e ultimamente é assim que tenho feito, ralado, fica com um sabor especial:

Esse miniralador (da coleção Silver) é fantástico para ralar o alho

Após refogar o alho adicionar água fervente (não pode ser fria para não causar choque térmico e endurecer a carne) até cobrir a mesma. Cozinhar na pressão por uns 15 minutos enquanto descasca e pica os legumes:


O legal da sopa é que podemos colocar os legumes que quisermos, e a cada vez vai ser uma sopa diferente. Eu usei 3 mandioquinhas, 1 chuchu, 2 inhames, 3 fatias generosas de abóbora cabotiá e 2 cenouras. É só descascar (ou não, se a casca estiver bonita lave bem e vai com casca e tudo) e picar à gosto (rodelas ou cubinhos, grande, médio ou pequeno). Se quiser pode adicionar arroz cru integral junto com os legumes. 


Agora coloque os legumes picados e o arroz integral cru na panela com a carne cozida, cubra com água fervente e adicione sal à gosto. Leve para cozinhar na pressão por 20 a 30 minutos.


Enquanto isso, lave e pique a salsinha e o agrião... gente, fica maravilhoso o agrião na sopa!! Mas também pode ser feito com qualquer outra verdura (couve manteiga, espinafre, acelga, mostarda, escarola...) 


Espere sair a pressão da panela e acrescente 1/2 xícara (chá) de quinoa e ferva por 3 minutinhos. 


Em seguida acrescente a salsinha e agrião picadinho e ferva por um minuto (eu não coloquei o arroz cru junto com os legumes, foi nessa hora eu coloquei o arroz já cozido que sobrou do almoço):

Prontinho, agora é só apreciar:
Sopa saborosíssima!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário